• Mayara Nunes

Aspirantes da Congregação das Irmãs da Santa Cruz participam da Feira Vocacional 2019

Agosto é o mês das vocações, e no terceiro domingo do mês recorda-se a vocação pela vida consagrada. Neste domingo (18/8), religiosos e religiosas, consagrados e consagradas e aspirantes dos vários institutos e comunidades de vida apostólica se encontraram na Feira Vocacional 2019.


Na sua 28ª edição, a feira trouxe como tema “Um jovem, uma vocação”, a Paróquia Nossa Senhora da Esperança, na Cidade Dutra, Zona Sul de São Paulo ficou pequena tamanha a multidão que se concentrou para o evento. Cerca de 25mil pessoas se reuniram no local.

As aspirantes Juliana Souza e Karina Alves estiveram pela primeira vez na Feira Vocacional, em clima de espiritualidade e medição sobre a vocação religiosa e também confraternização com a vasta juventude presente nos shows, brincadeiras e espaços de convivência.


“Está sendo muito incrível participar desta feira, pelo fato de ser a primeira vez aqui e encontrar novas congregações, novos jovens, novos jeitos de ser. Isso é muito incrível”, comenta Juliana Souza, aspirante da Congregação das Irmãs da Santa Cruz.


Para Juliana a vocação é um chamado de Deus a cada um de nós. “Deus nos chama a servir. O que ele nos pede pra fazer a ele, é para fazermos ao povo. Quando fazemos algo para o povo estamos fazendo pra Deus”, explica a Juliana.


Para a aspirante Karina Alves a Feira Vocacional é um momento alegria, juventude e oração. “Eu estou achando especial, por que é uma experiência que junta tanto os jovens que estão buscando sua vocação, quanto aqueles que estão engajados em alguma congregação. Essa troca de experiências é muito boa. A vocação é um dom de Deus. É um projeto especial que Deus tem para cada um e que a gente está correndo para trabalhar sobre essa vocação”, comenta Karina Alves, aspirante da Congregação das Irmãs da Santa Cruz.


Texto| Mayara Nunes



0 visualização